Onde a beleza fica? (Marcelino Lira)

3 02 2010

Lá,

Quando o delírio impera,

E a palavra cala,

O êxtase grita.

A flor desvanece;

Onde não há fala;

A seda não tece;

O Sol não brilha;

Poesia não encanta;

Razão enlouquece;

O tônus relaxa;

E o calor não aquece.

Quando só existem,

Em todo universo,

Os teus olhos e os meus,

A tua real beleza resplandece!

Anúncios

Ações

Information

One response

19 08 2010
Laura Freire

Lindo. Lindíssimo. Realmente encantador!

De uma beleza singela, conta uma longa história, de um amor consolidado. De maneira sutil, revela intimidade, de pessoas que se completam.

Parabéns ao autor e à sua musa inspiradora!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: